Carrinho abandonado: 5 ferramentas para te ajudar a recuperá-lo

4 minutos para ler

A atenção aos problemas que influenciam a frequência do carrinho abandonado é importante até mesmo quando os resultados são satisfatórios. O principal motivo disso é que o mercado não é infinito, por isso é fundamental manter uma boa taxa de conversão.

Além disso, a concorrência pode usar o segundo item que listamos abaixo para conquistar alguns dos leads que não compraram do seu e-commerce. Confira, a seguir, essa e mais 4 ferramentas capazes de minimizar o problema e as razões de abandono que você precisa evitar.

Ferramentas para evitar o carrinho abandonado

Você vai notar que as tecnologias abaixo têm funcionalidades automatizadas. Essa observação é importante para evidenciar que elas também ajudam na produtividade, diminuindo os seus custos de aquisição de clientes também desse aspecto. Vamos a elas!

1. E-mail marketing

Se o cliente informou o endereço de e-mail para se cadastrar ou assinar uma newsletter, você pode usar essa informação para estimular o lead a concluir a compra. Para isso, basta enviar um e-mail que facilite o processo por meio de um link e oferecer alguma vantagem, como um desconto ou frete grátis.

Além disso, você pode enviar outros conteúdos, como notícias, promoções e lançamentos, de modo a lembrá-lo de sua marca e para manter o relacionamento. Quanto mais relevantes forem essas informações para o cliente, melhor será o resultado. Por isso, segmentar os consumidores de acordo com os interesses deles funciona muito bem.

2. Remarketing

O remarketing utiliza cookies para identificar os potenciais compradores que acessaram o seu carrinho e abandonaram o processo. Depois disso, essa ferramenta exibe anúncios em variados canais, como as redes sociais, estimulando o cliente a concluir a compra.

Ele também é útil no caso do abandono ter ocorrido porque o consumidor não encontrou o que realmente procurava, pois permite a oferta de outros produtos.

3. CartStack

O CartStack automatiza as ações de remarketing a partir da captura do e-mail do cliente. Com o endereço registrado nesse software são enviadas mensagens automáticas com ofertas de produtos.

É uma ferramenta dinâmica e muito eficaz, pois dispara conteúdos variados. O CartStack também apresenta relatórios detalhados sobre os resultados e ações.

4. Shopback

O ShopBack se diferencia do CartStack porque é capaz de analisar dados para interpretar os interesses do usuário. Desse modo, ele consegue enviar recomendações mais personalizadas. Além disso, ele consegue reconhecer um bom número de potenciais compradores, mesmo que eles não deixem suas informações pessoais em suas visitas. 

Essa estratégia também pode ser usada para oferecer produtos complementares e ofertas especiais, com base na análise da navegação de cada visitante.

5. Carrinho salvo

Quando o cliente adiciona itens à sacola de compras sem estar logado, essa informação se perde. Para evitar que isso ocorra, essa ferramenta salva automaticamente os dados enquanto o usuário navega. Depois, elas podem ser usadas para estimular a conclusão da compra. 

Razões de abandono de carrinho

O primeiro motivo de abandono que você deve se esforçar para eliminar é a dificuldade. Se o site não for funcional e de fácil navegação, os clientes vão abandoná-lo com frequência. Desse aspecto, também é importante garantir uma boa navegação em qualquer dispositivo, especialmente porque os smartphones são cada vez mais utilizados.

Esse é um fator importante em qualquer página do e-commerce, mas crítico no ambiente do carrinho e no checkout. Outras razões comuns são:

  • o preço do frete;
  • a falta de segurança e de credibilidade do site;
  • meios de pagamento limitados;
  • e o hábito de protelar a decisão.

Por isso, você deve se dedicar a desenvolver e aprimorar um design intuitivo da página, além de incluir recursos que facilitem e ofereçam segurança ao pagamento — o que inclui alternativas de escolha, como cartão de crédito e boleto.

Com relação à protelação, é preciso oferecer ofertas, vantagens e estratégias que gerem urgência, bem como prazos limite para que o cliente efetue a compra em condições especiais.

Para concluir, saiba que o carrinho abandonado pode ser revertido em algo positivo, desde que você levante informações sobre esses leads que permitam desenvolver o relacionamento com eles. Ou seja, quando as ferramentas e estratégias não funcionarem para gerar a compra imediata, use os dados para criar uma base desses potenciais clientes e utilizá-la para aumentar as vendas com o auxílio de um CRM.

Para se aprofundar no assunto, acesse agora mesmo a nossa postagem complementar sobre mailing de clientes.

Posts relacionados

Deixe um comentário